Governo do Estado reforça ações de transparência e lança mais ferramentas de informação ao cidadão

Em entrevista coletiva diária sobre a situação da pandemia de Covid-19 em Santa Catarina, o governador Carlos Moisés anunciou novas ferramentas de transparência disponíveis no www.coronavirus.sc.gov.br. Trata-se do boletim epidemiológico e do painel que reúnem dados atualizados do panorama no Estado.

A ferramenta de Business Inteligence (BI) contará com dados para que o cidadão tenha informações detalhadas sobre o enfrentando da pandemia em Santa Catarina. Também, por meio de um novo formato de boletim epidemiológico, será possível acompanhar o número de casos, óbitos, cidades mais atingidas, testes realizados e dados por região que serão atualizados, diariamente, a partir das 19h.

>>>Confira o boletim epidemiológico desta terça-feira, 14, aqui

O boletim e o painel sobre os casos de Covid-19 seguem as premissas de transparência definidas pela Open Knowledge Brasil, instituição referência no tema. A organização monitora a performance dos estados e divulga um ranking sobre a evolução de cada governo. Nos próximos dias novas informações sobre casos e estrutura hospitalar serão adicionados ao boletim e ao painel.


Foto: Mauricio Vieira / Secom

O governador Carlos Moisés reafirmou que todos os atos do Executivo têm sido acompanhados por outros Poderes e pelos órgãos de controle desde o início da crise. O governador também lembrou que esclarecimentos adicionais são fornecidos sempre que solicitados. Por fim, fez um apelo à população.

“Esse é um momento de união. Juntos, com a colaboração de todos, nós vamos superar essa situação. O Governo do Estado está fazendo tudo ao seu alcance para garantir que não falte tratamento adequado a nenhum catarinense”, afirma Moisés.

Até o fim desta semana, também estará disponível uma nova seção de transparência desenvolvida pela Controladoria-Geral do Estado (CGE), com dados sobre contratações e aquisições realizadas pelo Executivo para prevenção e enfrentamento da pandemia.

“Os catarinenses saberão como cada item foi adquirido, quais fornecedores foram contratados e o trâmite do processo licitatório”, ressalta o controlador-geral do Estado, Luiz Felipe Ferreira.

 As ferramentas foram desenvolvidas pelo Centro de Informática e Automação do Estado de Santa Catarina (Ciasc), com o apoio do núcleo intersetorial de inteligência de dados e a parceria do Social Good Brasil.

0